Saiba o que diz o Q4 Earnings Report, o mais recente relatório de ganhos da Nike

Saiba o que diz o Q4 Earnings Report, o mais recente relatório de ganhos da Nike

Por RODRIGO DHAKOR

Por Rodrigo Dhakor

O Q4 Earnings Report da Nike, Inc. (NYSE: NKE) foi divulgado e reporta lucros do quarto trimestre fiscal após o fechamento dos mercados no dia 27 do mês de junho, e a receita do quarto trimestre chegou aos US $ 10,2 bilhões, um aumento de 4% em uma base reportada e de 10% em uma base de moeda neutra. A receita anual subiu para US $ 39,1 bilhões, um aumento de 7% em uma base reportada e um aumento de 11% em termos de moeda neutra, já que os investimentos estratégicos em inovação e digital impulsionaram a demanda global dos consumidores liderada pela NIKE Direct em ambos os períodos.

A empresa superou as estimativas de lucro do terceiro trimestre e atingiu as expectativas de receita em março, pressionada pelo fraco crescimento nas vendas na América do Norte. Recuperou essas perdas rapidamente, chegando a uma alta em abril.

“O ano fiscal de 19 foi um ano crucial para a NIKE enquanto continuamos a dar vida à ofensa direta do consumidor”, disse Mark Parker, presidente da diretoria e diretor executivo do grupo NIKE, Inc. “Nossa diferenciada inovação e vantagem digital levaram a um crescimento acelerado no nosso portfólio completo, enquanto nossa marca impulsionou relacionamentos mais profundos com consumidores em todo o mundo." 

O lucro diluído por ação no quarto trimestre foi de US $ 0,62, impulsionado pelo crescimento da receita, forte expansão da margem bruta e uma contagem média de ações menor, parcialmente compensada por despesas de vendas e administrativas e uma taxa de imposto mais alta. O lucro diluído por ação no ano inteiro foi de US $ 2,49.

"Refletindo sobre o desempenho do FYQ4 19, está claro que o crescimento é primordial na NIKE e que nosso forte crescimento está sendo impulsionado pela transformação estratégica", disse Andy Campion, vice-presidente executivo e CFO do grupo NIKE, Inc. “Em meio à volatilidade cambial, nosso crescimento de receita de dois dígitos em moeda neutra e a expansão do ROIC (Return on invested capital ou retorno sore capital investido) demonstram a incomparável capacidade da NIKE de criar valor extraordinário para consumidores e acionistas no longo prazo. ”

 

(Foto Nike)

 

Para leigos do mercado financeiro, os números são "embaraçosos" e para outras pessoas eles não prestam serventia alguma. Mas Parker ainda dividira algumas informações mais interessantes, como, por exemplo, o parecer de que as collabs, inclusive a feita com Travis Scott funcionaram perfeitamente. E com isso a Jordan Brand teve um aumento de 12% este ano, com o Air Jordan 1 sendo o principal produto; 

(Foto The Sole Supplier)

 

A necessidade de uma produção mais rápida e diz que "a demanda dos consumidores por um Nike Air Max está atualmente superando a oferta". E a Nike parece no momento dar total a atenção aos modelos Max;

(Foto Nike)

 

Frisa que a marca acaba de lançar um trio de iniciativas sustentáveis chamada "Renew" por meio da Converse. E estão visando uma meta de "100% de energia renovável ao mundo até 2025'' e pretendem salvar aterros sanitários anualmente com métodos de reciclagem de materiais e resíduos que serão revertidos em solados de ar;

(Foto Converse)

 

O investimento no poderoso universo feminino revela o porque a camisa da seleção feminina americana de futebol é a camisa de futebol mais vendida da Nike nos últimos tempos. Mark Parker destaca compromissos como contribuir para o treinamento e orientação de jovens e novas garotas. Promete fornecer coleções de tamanhos mais inclusivas para roupas esportivas femininas. e deixa claro que "É difícil não salientar que o ano foi importante para a evolução do universo feminino na Nike""Em termos de negócios o crescimento foi de dois dígitos no ano fiscal 19";

 

Carros-conceito? Parece extremamente estranho, e pode ser até um erro de transcrição, mas parece que a Nike está buscando inspiração em carros-conceito. "Um novo modelo que estamos testando", diz Parker;

(Foto @cole)

 

O universo digital da Nike está prosperando, com mais de 170 milhões de membros no Nike + e o Nike SNKRS duplicando o número de usuários ativos a cada mês. Quanto ao aplicativo regular da Nike, Parker reporta um crescimento de receita de três dígitos no quarto trimestre. Neste trimestre, o aplicativo da Nike chegará a China e 13 mercados na Europa, Oriente Médio e Ásia;

(Foto Sneakerfreaker)

 

Investimento em modelos híbridos. Como diz Parker, "lançamos um novo calçado que combina duas plataformas e criamos o Air Max React 270 e temos mais híbridos de calçados a caminho para as próximas temporadas";

(Foto Nike)

 

A animação com a chegada do Nike Joyride, nova tecnologia de amortecimento que promete chegar em breve. O sistema é formado por algumas bolinhas dentro da midsole, prometendo conforto na pisada. A expectativa é que o Joyride traga personalização na corrida, adaptando-se aos pés, e deve aparecer tanto em modelos de performance quanto em silhuetas casuais. Os três modelos divulgados até agora são o Joyride Run Flyknit (modelo de performance), Optik e CC (ambos para o lifestyle).

 

Parker disse que está "incrivelmente empolgado" com o lançamento da tecnologia nos próximos meses. Ele disse: “Essa nova abordagem ao amortecimento proporcionará um sentimento mais personalizado para os corredores em todos os níveis. Eu tenho usado e é extremamente confortável. Achamos que o design tem um grande potencial para se destacar com o consumidor tanto no desempenho quanto no lifestyle”.

(Foto Nike)

O sucesso do tênis que pode fazer você correr quatro por cento mais rápido. E falando em nome do Vaporfly 4%, aparentemente essa teoria é possível. A Nike se vangloria de que o calçado melhora significativamente a corrida, apoiado por artigos divulgados na Breaking2 de Eliud Kipchoge e até mesmo em estudo do New York Times . Mas se quatro por cento é viável, e mais que isso? O que sabemos é que a tecnologia Vaporfly está em constante melhora.

O ZoomX Vaporfly NEXT% já está no topo dos pódios, e Mark Parker relata que mais está por vir. Depois de mencionar o modelo, ele diz que podemos esperar “ver a sustentabilidade que desempenha um papel ainda mais elevado no nosso design. E nós vamos adicionar um maior potencial comercial do que qualquer outra Olimpíadas já viu em nossa história ”.

 

Por fim, baseado em tudo e resumido, durante o quarto trimestre, a NIKE, Inc. recomprou 10,6 milhões de ações por aproximadamente US $ 897 milhões como parte do programa de quatro anos e US $ 15 bilhões aprovado pelo Conselho de Administração em junho de 2018. Em 31 de maio de 2019, um total de 11,6 milhões havia sido recomprado sob este programa por aproximadamente US $ 986 milhões.

 

E no ano fiscal de 2019, a NIKE, Inc. recomprou um total de 54,3 milhões de ações por aproximadamente US $ 4,3 bilhões sob o programa de US $ 15 bilhões atualmente em uso, bem como o programa anterior de US $ 12 bilhões aprovado pelo Conselho de Administração em novembro de 2015.

 

Interessante? A administração da NIKE, Inc. realizou uma conferência telefônica às 14h do último dia 27 de junho, para revisar os resultados do quarto trimestre e do ano fiscal. A teleconferência foi transmitida ao vivo via webcast e foi acessível a todos via canal online Nike Investors. E pós conferência uma versão arquivada foi disponível para quem não conseguiu ouvir, e esteve no ar até às 21h do 11 de julho de 2019.

Vamos ver o que será do próximo trimestre.