Depois de anos de censura, documentário sobre Yves Saint Laurent é lançado

Depois de anos de censura, documentário sobre Yves Saint Laurent é lançado

Por CONVIDADO THE GAME

por: Beatriz Partington

"É difícil ver o mundo que você criou chegar ao fim.", essa é uma das frases de Olivier Meyrou, diretor e produtor do documentário "Celebration", que retrata o período de 1998 à 2001, últimos anos de Saint Laurent à frente da marca homônima, nos preparativos do que foi seu desfile de despedida em 2002, no Centre Georges Pompidou, aos seus 65 anos. 

Sua primeira versão chegou a ser exibida em 2007 mas logo foi proibido de ser exibido. Depois de uma nova edição e cortes que, de acordo com diversas matérias, que foram ajustes de detalhes e créditos, que não afetam nem 30 segundos do original. Sua reestreia estava prevista para 2015 quando foi proibida mais uma vez, pelo parceiro de negócios e de vida de Yves, Pierre Bergé, por não concordar com a forma que foi retratado. A veiculação foi liberada em 2018 e agora será exibido em uma sessão especial no cinema de Toronto, no Canadá.

Além da vida de um dos estilistas mais consagrados do mundo da moda, que revolucionou a realidade e visão de mundo de muita gente e de muitas mulheres desde os anos 60, mostra também como a moda pode ser cruel, pressionando e desgastando física e mentalmente até quem já é um grande protagonista desse espetáculo.