Supreme lança colaboração com a marca de workwear Refrigiwear

Supreme lança colaboração com a marca de workwear Refrigiwear

Por Matheus Castro

Quando a Supreme revelou sua coleção de outono/inverno 2021, as colaborações com a Colgate e Jacob & Co. foram sem dúvida as mais comentadas. Mas ao olharmos mais a fundo, sempre podemos encontrar parcerias com marcas menos conhecidas que também são dignas de burburinho. É o caso da união entre a Supreme e a marca acessível de workwear Refrigiwear, que será lançada nesta quinta-feira (03/12). 

A coleção é composta por duas peças: uma jaqueta iron-tuff com co-branding nas costas e outra versão semelhante sem mangas nas cores camuflado preto, azul e laranja.

Mas o que realmente é a Refrigiwear? Roupas para refrigeradores? Sim, algo do tipo. A história da marca de outerwear começa em 1954, quando foi fundada em Manhattan pelos cunhados empresários Mortimer 'Mort' Malden e Myron Breakstone. Foi Mort quem procurou uma alternativa para os uniformes ineficazes de lã volumosa quando trabalhava em uma geladeira de tamanho industrial. Ele imaginou um novo tipo de roupa ao ar livre adequada à temperaturas abaixo de zero.

 

 

Semelhante a Supreme, a Refrigiwear prosperou em Nova York. A linha principal introduziu uma fabricação pesada de nylon industrial repelente à água, anti-rasgo e à prova de vento com acolchoamento de material termo isolante para reter o calor. Estas peças, conhecidas como "Iron Tuff", foram testadas por um jornalista que se trancou em uma sala de congelamento rápido (-50ºC) por uma hora. Seu relato foi que, embora suas sombrancelhas estivessem congeladas, ele estava confortável. 

Com o tempo, a marca foi ganhando notoriedade e passou a focar mais em esportistas e caçadores do que trabalhadores de indústria como público-alvo. Ela tornou-se o uniforme não oficial para os participantes da caminhada anual de trenó puxado por cães "abaixo de zero" de 1.600 km entre o Canadá e o Alasca.

 

Fotos: Divulgação