Thom Browne é processada novamente pela Adidas por uso de listras em coleções

Thom Browne é processada novamente pela Adidas por uso de listras em coleções

Por RODRIGO DHAKOR

A Adidas é conhecida pelas clássicas Three Stripes em seus produtos e campanhas publicitárias. A longa história do emblema visual da marca esportiva recentemente ganhou um novo desdobramento. Um novo processo jurídico da empresa contra a etiqueta masculina The Browne por “uso indevido” das tiras alinhadas.

A marca de sportswear deu entrada no processo no tribunal federal de Nova York, nos Estados Unidos, na última segunda-feira (28/6). De acordo com informações, a Adidas afirma que a Thom Browne está usando a estética gráfica semelhante à da sua companhia.

(Semelhança ente produtos da linha Adidas e produtos da linha Thom Browne - Fotos: Getty Images)

“A Thom Browne expandiu suas ofertas de produtos e foi além de sua especialidade nos trajes formais e executivo. Agora, oferece roupas e calçados de estilo atlético com dois, três ou quatro listras paralelas de uma maneira que é confusamente semelhante à marca de três listras da Adidas”, apontou.

“As partes concordaram com uma prorrogação do prazo na esperança de resolver o assunto amigavelmente”, afirmou a Adidas. Apesar das tentativas de mediação em relação ao conflito de marcas em curso, as partes não conseguiram resolver a questão entre si. Foi quando a gigante esportiva decidiu acionar a Justiça, apresentando alegações de violação e diluição de marca registrada.

(Foto: Thom Browne)

A Adidas está solicitando a proibição permanentemente Thom Browne de “distribuir, comercializar ou vender roupas e calçados usando ou ostentando confusas imitações da marca de três listras da Adidas”. Também incluiu danos monetários e uma restituição de todos os lucros que a Browne arrecadou com as vendas das roupas que estejam dentro desse padrão “infrator”.

No mesmo documento, a Adidas cita que já esteve envolvida em um processo anterior com a Thom Browne. A disputa judicial teve início em Novembro de 2020, mas o caso não foi resolvido.

A Thom Browne não é a primeira marca de moda acusada pela Adidas por uso indevido das stripes. Em 2017, o Bloomberg relatou que a Adidas havia entrado com quase 50 ações judiciais para defender sua marca registrada.

A empresa tem se envolvido em batalhas jurídicas com outras marcas e varejistas. Entre elas, estão Forever 21, Juicy Couture, Tesla, Marc Jacobs, Abercrombie e Ralph Lauren, por exemplo.

 

 

 

 

 

 


✔️ Produto adicionado com sucesso.