Hacker pede US $ 100 mi em resgate de código-fonte do Xbox Series X

Hacker pede US $ 100 mi em resgate de código-fonte do Xbox Series X

Por RODRIGO DHAKOR

Possivelmente, um hacker pode ter roubado o código-fonte de GPU (Graphics Processing Unit, ou Unidade de Processamento Gráfico, conhecido também como VPU ou unidade de processamento visual, é o nome dado a um tipo de microprocessador especializado em processar gráficos em computadores pessoais, estações de trabalho ou videogames) do Xbox Series X e estaria pedindo US$ 100 milhões à AMD como resgate do material.

A notícia chega por meio de uma publicação do dia 25 de Março no site oficial da AMD, em que a empresa de hardware explica a situação. "Fomos contatados por alguém que alega ter os arquivos de testes relacionados a uma categoria de produtos gráficos atuais e futuros" diz a declaração.

(Foto Twitter / AMD)

"Estamos trabalhando em estreita colaboração com as autoridades policiais e outros especialistas como parte de uma investigação criminal em andamento", relatou a empresa.

De acordo com um relatório do canal TorrentFreak, esses dados foram encontrados em um computador hackeado e inclui o código-fonte das GPUs Big Navi e Arden, da AMD. A Arden é, supostamente, a GPU personalizada de 12 teraflops do Xbox Series X.

Partes do código foram publicados no GitHub (plataforma de hospedagem de código-fonte com controle de versão usando o Git. Ele permite que programadores, utilitários ou qualquer usuário cadastrado na plataforma contribuam em projetos privados e/ou Open Source de qualquer lugar do mundo) e, então, removidas. O hacker está pedindo US$ 100 milhões pelo código e está ameaçando publicar todos os dados roubados se um comprador não for encontrado.

A AMD solicitou bloqueio DMCA (ação judicial em busca de uma decisão para retirada de conteúdo) para a página em que os dados se encontravam, sugerindo que o hackeamento realmente aconteceu. Ainda na declaração oficial, a AMD deixou claro que os dados roubados "não são essenciais à competitividade ou segurança dos nossos produtos gráficos".