Huawei pode lançar carregador turbo com tecnologia GaN, mas Xiaomi anuncia carregamento de 0 a 100% em 17 minutos

Huawei pode lançar carregador turbo com tecnologia GaN, mas Xiaomi anuncia carregamento de 0 a 100% em 17 minutos

Por RODRIGO DHAKOR

Circulou recentemente informações e imagens vazadas que podem indicar um novo produto a ser lançado pela Huawei. De acordo com os rumores, a empresa trabalha em um carregador turbo de duas portas com tecnologia GaN.

Segundo os conteúdos, o produto deveria ser lançado em Abril, no entanto a empresa chinesa não divulgou nenhum detalhe oficial desde então, da mesma forma que nenhum produto do tipo foi lançado pela empresa.

O novo carregador pode suportar carregamento rápido de 65W e possui duas entradas em seu corpo: uma para USB-C e a outra para USB-A. A imagem foi postada na rede social Weibo, plataforma bastante utilizada no mercado oriental, em especial na China, e pode indicar um lançamento iminente do produto.

Já a Xiaomi confirmou o que muitos já esperavam. A gigante chinesa vai mesmo lançar seu carregador ultrarrápido de 100W, o Super Charge Turbo, mas somente no ano que vem. O dispositivo foi mostrado durante a Xiaomi Developer Conference, no início desta semana, e superará com facilidade o SuperVOOC 2.0, da OPPO, que ostenta a potência de 65W.

(Foto Xiaomi)

Após declarações de dois dos executivos da Xiaomi, Lu Weibing e Lin Bin, de que o carregador seria produzido em massa, a expectativa era de que a tecnologia aparecesse nos telefones este ano. No entanto, este carregamento não apareceu em nenhum dos principais modelos Xiaomi e Redmi anunciados posteriormente, como o Mi 9 Pro 5G e o Redmi K20 Pro Premium Edition.

A Xiaomi ainda divulgou mais detalhes sobre a tecnologia de carregamento rápido. Ela utilizará duas baterias como a Oppo Find X Lamborghini Edition. Ele também terá proteção de software e hardware para manter seu dispositivo seguro. A Xiaomi diz que o carregador terá eficiência de 98% e será construído com materiais de alta qualidade.

Em demonstração, o carregador foi capaz de carregar a bateria de 4000mAh de um smartphone em apenas 17 minutos, contra 68% do modelo da Oppo, que tinha uma bateria um pouco menor, inclusive.

Os aparelhos da Xiaomi que virão com este carregador ainda não foram confirmados.