Teste de 5G da TIM atinge velocidade de download de 3,9 Gbps

Teste de 5G da TIM atinge velocidade de download de 3,9 Gbps

Por RODRIGO DHAKOR

A empresa de telefonia TIM registrou uma transferência de dados de 5,4 Gbps (gigabits por segundo) em rede móvel de 5G "puro" (standalone) durante um teste em seu laboratório no Rio de Janeiro. Na prática, foi possível entregar conexões de 3,9 Gbps de download.

Os 5,4 Gbps são 100 vezes mais do que o alcançado no 4,5G da própria empresa e 100 vezes acima do registrado no 5G Dynamic Spectrum Sharing (DSS), o 5G "não puro" que foi lançado pelas operadoras brasileiras em 2020. O teste usou toda a banda existente na faixa de 26 GHz (chamada de ondas milimétricas ou mmWave em inglês).

(Foto: Envato / poungsaed_eco)

A TIM adquiriu, no leilão do 5G feito pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em novembro, um "pedaço" de 600 MHz dentro do espectro de 26 GHz. Entretanto, no ambiente de seu laboratório no Rio de Janeiro, foi usada uma largura de banda de 800 MHz, além de um "reforço" do espectro de 3,5 GHz (outros 100 MHz), de acordo com o site Telesíntese.

Os testes são importantes porque foram a primeira conexão no Brasil e na América Latina usando NR (New Radio, em inglês) — um tipo de padrão global para o 5G — com conectividade dupla dos espectros de 3,5 GHz e 26 GHz, múltipla agregação de portadoras e com Core 5G, uma plataforma de nuvem para essa conexão.

Todas as cidades brasileiras terão 5G “puro” até 2029.


✔️ Produto adicionado com sucesso.